domingo, 3 de dezembro de 2017

5 sobremesas para esta época do ano

O ano passado lancei uma série no canal de YouTube com receitas que não podem faltar na minha mesa durante estas épocas festivas. Dêem uma vista de olhos em algumas das minhas favoritas! Os vídeos com todo o passo-a-passo estão em baixo! Espero que gostem! :)



sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Queques de chocolate e laranja

Queques são sempre uma escolha acertada para um lanche entre amigos, para levar para o trabalho para comer a meio da tarde, para os miúdos, um piquenique…são pequenos bolos que fazem as delícias de imensa gente. E são também imensas as combinações de ingredientes.
O aroma e a sensação de conforto quando eles saem do forno não tem preço. Preparar um café com leite bem quentinho com um queque morno a acompanhar é de facto do melhor que há. E ver a alegria de quem come, é também imensamente gratificante. 
Estes são deliciosos. O sabor pronunciado do cacau com um travo a laranja é perfeito. E também estes foram saboreados com uma chávena de café de saco acabado de fazer. 



Ingredientes

30 gramas de cacau em pó
100 ml de água a ferver
3 ovos M
150 gramas de manteiga sem sal
140 gramas de açúcar amarelo
150 gramas de farinha de trigo com fermento
1 laranja (raspa)
q.b. extrato de baunilha

Preparação

Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Coloque formas de papel num tabuleiro de muffins. Reserve.
Bata o açúcar com a manteiga até ficar cremoso. Junte os ovos, batendo um a um.
Junte o cacau na água quente e misture bem.
Junte o cacau dissolvido, o extrato de baunilha, a raspa da laranja e a farinha. Misture, e envolva tudo muito bem, mas não demasiado para não desenvolver o glúten da farinha e a massa não ficar dura.
Divida o preparado dos queques pelas formas. Leve ao forno entre 20 a 25 minutos.
Retire do forno e deixe arrefecer antes de servir. 

Opcionalmente polvilhe com açúcar em pó. 

Bom Apetite!


sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Migas de couve galega com bacon

Ora aqui está algo que adoro de paixão. Este acompanhamento é para mim do melhor. Tudo que leve broa de milho é perfeito por si só. Este salteado ou migas, como queiram chamar, é ideal para fazer parte da mesa nestas festas. Acompanha na perfeição uma carne assada, ou até mesmo o bacalhau, seja confecionado de que maneira for. Este vai estar na minha mesa com certeza, e se vocês gostam destes ingredientes, também não vão querer que falte. Vou só ali meter mais uma garfada à boca. É que isto é mesmo bom!  



Ingredientes

500 gramas de couve galega (para caldo verde) (cortada em "juliana" fina)
60 gramas de bacon (aos cubos)
2 dentes de alho (picados finamente)
1 broa de milho pequena (500 gramas)
Azeite q.b.
Sal e pimenta preta q.b.

Preparação

Vamos começar por retirar o miolo da broa. Colocamos num processador de alimentos e trituramos deixando os pedaços da broa grosseiros. Mas pode também desfazer a broa com as mãos. Reserva-se.
Não deite fora a côdea. Pode sempre usar para fazer pão ralado, comer com um pouco de azeite e azeitonas, torrar e barrar um pouco de manteiga. Nada se estraga.
Numa panela coloque água com um pouco de sal. Deixe ferver e junte a couve escaldando uns minutos apenas. Escorra muito bem a água da couve.
Numa frigideira colocamos um fio de azeite, e salteamos o bacon juntamente com o alho uns minutos até alourar ligeiramente.
Junta-se a broa ao bacon e salteia-se até ficar dourada.
Se acharem necessário coloquem mais azeite para não ficar demasiado seca a broa, e não queimar. 
Adiciona-se a couve, condimenta-se com pimenta preta, mistura-se bem, e deixa-se a saltear mais um minuto para apurar sabores. 


Bom Apetite!

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Este ano é mais fácil escolher que cabaz oferecer!

Quando chega a época do ano em que temos de pensar em que presentes oferecer, a tarefa pode ser árdua. A algum familiar mais distante, ao sogro, aquele amigo do marido, ou até mesmo algum colega de trabalho, não é fácil a decisão de escolha, e falo mais especificamente no sexo masculino, pois pessoalmente sempre tive dificuldade em saber o que dar a homens. São mais exigentes na minha visão, ou pelo menos não expressam muito os seus gostos. Claro que existem excepções à regra, mas eu falo da minha experiência no geral. 
E nada melhor do que cabazes. Se sabemos que gostam de um bom vinho, um enchido tradicional, algum produto especifico, os cabazes são sem sombra de dúvida a melhor opção. 

Além do mais, e não só falando do que oferecer a "Ele", nada mais perfeito do que oferecer um cabaz bem recheado que preencha a necessidade de toda a família.  

E o Continente este ano lançou um conjunto de cabazes de Natal com nomes de Reis de Portugal. Sem dúvida bem criativo e original. Os preços variam entre os 8,00€ e os 400,00€. São 32 cabazes distintos com produtos de excelência e qualidade, para todos os gostos e carteiras. Campanha disponível até dia 14 de dezembro! E se vocês se estão a perguntar, o cabaz de 400,00€ é do D. Afonso Henriques. Imagem lá porquê...que maravilha de produtos!

Em baixo coloco os cabazes, para que possam ver o que mais vos agrada. Ao clicarem em cada imagem correspondente ao cabaz que vos despertou curiosidade, serão levados directamente ao site do Continente, onde poderão ler toda a informação relevante. Tal como o preço, produtos que o compõem, até mesmo a informação nutricional de cada produto do cabaz, o que achei incrível.